quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Das conversas dela...

Esta é aquela fase em que começo a ficar com pena de me despedir daquelas palavras que ela diz e que só nós sabemos o que significam, como por exemplo o "fiôna" quando quer dizer "funciona"!

Estes dias ela juntou duas palavras que resultaram numa expressão maravilhosa que não quero deixar de registar...

Eu sei que é pouco habitual maquilhar-me, mas à miúda não escapa nada!
Coloquei apenas um bocadinho de gloss, só para dar um brilho extra e a bailarina mal me vê diz logo:

- Olha, a mamã tem os "biábos pintinhos"

Biábos, adoro a palabra biábos.
 E pintinhos faz lembrar a palavra cobetinha
quando quer dizer que está bem cobertinha
 quando vai dormir :)


terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Chegamos a Dezembro...

 ... e com ele as festas e aglomerados de crianças na rua!
A verdade é que apesar do frio, o sol convida e tem sabido muito bem :D

Depois de fazer um desenho e ter feito uma birrinha porque queria ir para o insuflável que não era para idade dela, foi altura de visitar a casa do pai natal!

Grandes conversas teve ela com o pai natal.
Quis logo ir para o colo dele, deu beijinhos e até fez festinhas nas barbas :P

 



sábado, 29 de novembro de 2014

Bailarina de avião



A bailarina estreou-se nestas andanças e portou-se à altura [mais ou menos]. Passo a explicar...

No avião portou-se lindamente e adorou voaaaaaaaaar! 
Mal se sentou pediu para colocar o cinto e esteve calma e serena todo o tempo. Já no check in foi terrível fazer com que parasse de correr e de atravessar as fitas que impediam que os passageiros de seguir para onde não deviam. Eramos nós cheios de malas e ela sempre a tentar explorar com a curiosidade normal de qualquer criança. Ufa!

No detetor de metais apitou e teve de ser revistada. A funconária perguntou-lhe se lhe podia fazer cócegas e ela toda feliz disse logo que sim :)

Sentadas atrás de nós vinham 3 velhinhas muito simpáticas que se meteram com ela antes de levantarmos voo.

Chovia bastante quando descolámos, e até atravessarmos as nuvens cinzentas e o vento forte, o silêncio estava ao máximo, o que não é comum quando o avião vai completamente cheio. A verdade é que não foi a viagem mais calma que já fiz. O avião fartou-se de abanar e esquecer que estavamos no ar foi quase impossível, especialmente nos primeiros 20-30 minutos.

Durante o voo apercebemo-nos que uma das velhinhas estava em dificuldades provavelmente com medo de voar e as outras duas amigas, abanavam ao mesmo tempo 2 leques sem parar.

Foi perante este cenário que ela decide mostrar o ar da sua graça e desata a rir à gargalhada com os braços no ar a gritar: "uhuhuhuh" sempre que o avião abanava.

Eu e o pai tentávamos reprimir a gargalhada da garota de forma quase tão veemente quanto tentávamos controlar a nossas próprias... 

A galhofa acabou quando começamos a descer e começou a queixar-se dos ouvidos. Nada de especial, mas o suficiente para a pôr a choramingar agarradita aos ouvidos.


quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Aprendi a lição


O cabelo da bailarina estava simplesmente num estado lastimoso... 
O cabelinho dela é muito fino e macio. Para piorar tem umas quedas esquisitas e fica uma ponta para cada lado...

Depois de alguns meses sem cortar, o cabelo dela estava indomável. Todos os dias me desagradava o aspeto dele e tentei [juro que tentei] esperar mais uns dias até irmos a casa onde tenho uma tesoura de cabelo.*

Mas tive aquela infeliz ideia de experimentar usar a tesoura de papel apenas para cortar um bocadinho até chegar a casa e acertar!!! Já se está a ver o que aconteceu, não é?

Pois que a tesoura "escorrega" para todo o lado e aquele cabelinho fininho foge para todo o lado :(
Um chega para lá dela (que não tem paciência nenhuma para estar quietinha como exige a tarefa) , foi o suficiente para uma tesourada desmedida que a deixou com menos um palmo de cabelo...

E pronto é assim que uma mãe aprende a lição!!!

* Desde pequenina sempre fui eu ou a minha mãe que lhe cortámos o cabelo.

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Olha, parece Outono!!! :)

Ainda não vos tinha dito, mas a vida da bailarina mudou radicalmente há sensivelmente 2 meses quando trocamos a nossa casa por outra na ponta oposta do país.

Há 2 meses que não vê os avós, o primo, os tios e os amiguinhos. Anda mais agarrada que nunca ao pai e à mãe e nota-se que anda um pouco mais carente que o habitual.

O bom disto? Por aqui a temperatura é mais agradável e tem feito mais atividades ao ar livre.

Foi giro demais vê-la a delirar com as folhas caídas no chão a poder brincar com elas porque estavam secas! É tão fácil ser feliz quando se é criança!!! :)


sábado, 1 de novembro de 2014

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

English girl

Hoje apanhei-a sozinha a trautear:
"five, six, seven, eight..."

Fui apanhada de surpresa! As cores em inglês, já as sabe há muito tempo, mas os números não fazia ideia!
Isto de a deixar a ver desenhos animados em inglês tem destas coisas :)


quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Só hoje tomei a verdadeira consciência de que já não escrevo há tempo demais...

Li os posts das conversas dela e fiquei espantada com a evolução dela em termos verbais de lá até então!

Agora é impossível calá-la! Acho que vai ser daquelas que fala pelos cotovelos e tem assunto para 25 horas por dia.

Ontem, ouvi dela o comentário mais engraçado dos últimos dias...

Fui eu cedinho acordá-la para lhe dar o leitinho de manhã (sim, ela continua a não acordar sozinha, mesmo depois de dormir a noite toda) e sou recebida com os grunhidos habituais de "estava tão bem a dormir e vem esta acordar-me".

Lá a convenço a tomar o leite e depois de o fazer de olhos fechados, pergunta:

Ela: - O papá?

Eu: - O papá está a dormir. Ainda é cedo.

Ela (pausa): -  O papá é "mió"!

Eu (tentanto engolir o riso, certificando-me que tinha ouvido bem): O papá é melhor? Querias que fosse o pai a dar o leitinho?

Ela (com o ar mais natural do mundo): Sim!





terça-feira, 19 de agosto de 2014

Bolachas


 

As "pachachas" foram promovidas a "boachas" e ainda bem ;)

Mas a forma de as comer continua a ser exatamente a mesma: dá pequenas trincas ao redor da bolacha e a cada mordidela olha, olha, roda para um lado, gira-a para o outro e repete várias vezes o mesmo...

Depois a imaginação começa a funcionar e começa a dissertar: "Olha, mamã, um carro! Brrrrrummmm [Mais uma trinca] "Olha, mamã, uma tartaruga! [Outra trinca] "Olha, mamã, uma nuvem!"

É escusado dizer que demora eterninades a terminá-la, não é?!

quarta-feira, 2 de julho de 2014

Vitinho


Adora o Vitinho!

Começamos a cantar-lhe a canção antes de ir dormir e como gostou tanto dela mostramos-lhe o vídeo no you tube. Em poucos dias, aprendeu a letra toda de fio a pavio!

Tenho de tentar gravar ;)

terça-feira, 1 de julho de 2014

Das conversas dela... parte II

Os jardineiros são os "chininos". Anda completamente apaixonada pelos jardineiros que cá vêm de vez em quando tratar do jardim!!! Só fala do "Edsoni" e todos os que usam um boné são o "Edsoni".

Quando saimos de casa de carro pergunta logo pelo "tumna", o túnel.

Outra vez é "ópatês".

"Minhoca" é a "banhoca" que toma antes de ir dormir. No outro diz a chorar: "Um qué minhoca, qué bincá", só depois de muito refletir é que percebi que dizia "Não quero banhoca, quero brincar".

Começamos a ler-lhe as histórias da Anita e quer sempre um "ibo" (livro) antes de ir dormir: A Anita e o "Cisco" (Francisco, o irmão bebé).

Demos-lhe dois dragões e ela ficou rendida. Acho que são os brinquedos preferidos da miúda, os"gadões". Na primeira noite com eles não conseguimos convencê-la a largá-los e adormeceu agarrada àquilo :O








segunda-feira, 30 de junho de 2014

30-06-2014

O dia tem mesmo de ficar registado!
Hoje foi o primeiro dia em que a bailarina comeu o primeiro pedaço de bolo! O p-r-i-m-e-i-r-o!!!!!!

Gostou e repetiu! :)

E vou esquecer-me daquela parte em que fez greve de fome durante 3 semanas e deixou de comer tudo o que mais gostava e que melhor come desde sempre, a sopa e o iogurte... E vou (tentar) esquecer-me de quão magra está e do que se nota nas roupinhas todas que estão outra vez a ficar grandes :(

Os primeiros diálogos e as primeiras conversas

As conversas por iniciativa própria começam a surgir com mais frequência e com mais intencionalidade...

  •  De manhã quando acorda:

- Mamã, já é dia! O sol já acudou!!!

  • Com o pai:
Ela - Onde vais?
Ele - Vou à cozinha.
Ela - Que fazê? 

  •  De noite/quase manhã acorda. Vou ter com ela e pergunto o que se passa.
Ela -  Qué a chupeta! (Estava caída no chão)
Eu - E leitinho, queres?
Ela (com ar chateado)- Qué dumiiiiiiii!!!!!!

  • O pai arrumava as molas da roupa no cesto onde ela andava entretida a brincar:
Ela (aos gritos) - Paaaaaaaaaaiiiiiiiiii, que tá a fazê????? É meu!!!








sexta-feira, 20 de junho de 2014

Dedos de velhinha...

É assim que sai sempre da "picima"... 
Com os dedos encorrilhados e os olhos carregados de lágrimas!

 Volta, sol!!!! Ela gosta tanto...

sábado, 31 de maio de 2014

Das conversas dela... parte I

    Sabem aquelas expressões que só os nossos filhos dizem? E que o dizem durante um pequeno período de tempo e que depois deixam de dizer?! São essas pequenas coisas que não me quero esquecer e que cá vou deixar registado...

A "caminha" foi caminha durante muito tempo, mas recentemente virou "caminhinha".
A "teia" é a manteiga que tanto gosta de comer nas "totas" (tostas)
O "potamumu" é o hipopótamo e as formigas são as "camicas".
"Vamos dar um passeio?" sai-lhe sempre: "Ábiápasseio?"
Assim que chegamos a casa, ouve-se dela um "ganhamos".
O "por favor" que durante meses foi "xixáô" passou a um "pofavô" com direito a mão juntinhas e carinha "tiste" (triste como ela diz).

...
Este post ficará incompleto... :( Mas, terá continuação, porque faltam aqui dezenas de expressões que durante o dia oiço e que digo que tenho de acrescentar à lista, mas que depois na hora H, não me ocorrem...

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Pimento

Depois do "Pa Foua", vem o "Pimento" :)

Alguém adivinha o que significa?

segunda-feira, 5 de maio de 2014

83

Esta semana vesti-lhe umas calças de fato de treino confortáveis para correr no jardim que têm na perna o número 83.

Minutos depois, dou com ela a olhar para baixo e a esticar a perna para ver melhor os números.

Depois de analisar com cuidado diz-me:

- "Mamã, isté um oito" (aponta para o 8) e isté um tês ao contáio" (enquanto aponta para o 3).

E pronto, isto é a conversa de uma miúda com 24 meses.

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Da infertilidade...

Ainda se fala pouco de infertilidade...
Paula Neves, conhecida atriz portuguesa, resolve partilhar as experiências pessoais, partilhadas por tantos casais pelo nosso país fora!

Gostei de ler a entrevista que deu.

Deixo aqui o link!
Quem sabe também não gostarão de o fazer...

sexta-feira, 25 de abril de 2014

"Pa fôua"

Ela acorda a gritar "pa fôua", como quem diz " Lá para fora!".
Depois de uns dias quentinhos e muito passeio ao ar livre, a bailarina não quer outra coisa... Quem a critica, não é?!

Eu que sempre achei que a miúda era descoordenada, tenho ficado espantada com a melhoria da destreza dela! Já sobe e desce escadas com muito mais facilidade e corre e salta que se farta :) Mesmo em terrenos irregulares é vê-la a aventurar-se. A mãe é que não está habituada a essas aventuras e morre de medo que ela se magoe... Os joelhos estão constantemente esfolados e as nódoas negras são inúmeras.

Mamãs, o que é que usam para os curativos? Para já tenho usado o betadine para desinfetar e o mitosyl para ajudar a cicatrizar, mas acredito que haja algo melhor!

O desfralde vai de vento em popa e agora só muito esporadicamente é que molha a cuequinha! O perverso da situação é que fica desapontada quando a cueca está seca porque quer usar outra nova com o boneco X ou Y! :P

sábado, 19 de abril de 2014

Desfralde

Esta semana começamos mais uma tentativa de desfralde!

No primeiro dia foi um rodopio de tira e põe roupa limpa, mas logo no dia seguinte a história melhorou consideravelmente...

Ao fim de 4 dias, já pede para ir à casa de banho :) Mas faz xixi imensas vezes por dia! Muitas mesmo...

Hoje ficou 5 horas seguidas com as mesmas cuequinhas e sem uma única pinga! E o melhor é que passou todo o dia fora de casa e sem nenhum deslize :)

Para já está a correr bem, mas ainda é cedo para comemorações.

O melhor do desfralde é chegar à conclusão que todos os calções de Verão do ano passado, vão servir para mais uma estação =)


terça-feira, 8 de abril de 2014

Sozinha

Esta é a palavra mais ouvida neste último mês :D

Quer comer o iogurte e a sopa sozinha,
Quer subir as escadas sozinha,
Quer escalar sozinha o escorrega,
Quer calçar os sapatos sozinha,
Quer vestir-se sozinha,
Quer lavar os dentes sozinha,
...


domingo, 30 de março de 2014

2 anos




Dois anos de ternura e do amor mais puro que tive a felicidade de aprender com ela!!!

quarta-feira, 26 de março de 2014

Sal ou açúcar?!


Estes dias pegou no pacote do sal fino e disse que era farinha ;)

Corrigi e dei-lhe a provar!

Depois peguei no açucareiro e fiz o mesmo...

A qual dos dois é que fez má cara?????

Ao açúcar, pois!!!! Para mim não foi surpresa nenhuma!

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

22 meses e muitas coisas soltas...

Aos 22 meses as frases simples estão instaladas. 

A primeira frase que disse (ou que nos tenhamos apercebido) foi em tom claro e sonoro:

- Meu! Istémeu! [ Quando viu os ricos testes dos meus alunos que saíram dali um pouco amarrotados. ]

:D

Agora o que mais se ouve é: 

- Isté carro, 
- Isté cão,
- Isté bauão (balão), 
- Isté azú (azul) e para tudo mais o que quer nomear ou adjetivar!

Distingue bem o grande do pequeno (também o maior), o frio do quente,  o escuro do claro, e já usa o adjetivo giro ou bonito para coisas que gosta.

Hoje colocamos uma lâmpada num espaço que há muito tinha fundido e que assim foi ficando... Quando viu a novidade disse: "Uau, que giro!" :)

Anda numa fase de amor-ódio aos balões!!! Adora e tem medo ao mesmo tempo. Quando um rebenta fica sem lhes querer mexer durante uns tempos e agarra-se a mim a dizer: "Tem mê" ao mesmo tempo que encorrilha a testa :P

Já usa o plural em algumas palavras. Um que usa muito bem é balão/balões.

Consegue fazer pequenos relatos do dia-a-dia e é tão engraçado! Estes dias eu e o marido fomos jantar fora e ela ficou com a minha mãe. Quando chegamos perguntamos-lhe se tinha comido tudo e o que tinha jantado. A resposta foi pronta: "Sopa, arroz, carne e iogurte". Depois até nos disse quem lá tinha estado de visita :D 
Só quando vai à avó é que come iogurte, porque continua a comer mal a fruta e a avó gosta de lhe fazer a vontade... ehehehe A minha mãe ficou a rir-se a pensar que já não me podia enganar!!! kakaka
É nesta fase que temos de começar a ter em atenção ao que dizemos e fazemos perto dela! :P

Hoje ia com ela no carro quando começa a repetir a mesma palavra inúmeras vezes (a miúda é insistente quando quer). Era qualquer coisa como "cóni". 
Perguntamos várias vezes o que era, se era isto, se era aquili e ela sempre disse "não"... até que me lembrei que tinhamos passado pelo Continente (hipermercado)! Disse logo que sim, ou melhor respondeu "Poizé", como quem diz "pois é". E era mesmo, porque de regresso a casa voltamos a lá passar e se tinhamos dúvidas, naquela altura ficou claro!
Agora me pergunto, como é que a miúda sabe o que é o Continente????!!! Cá para mim a publicidade da televisão funciona bem... demasiado bem ;)

Continua apaixonada pelo animais e reconhece inúmeros animais pelo nome e pelo som que fazem :)

Este filme é para me redimir de quase 2 meses sem cá passar... De salientar que o filme já foi gravado em Dezembro :( Enfim, o tempo corre, corre depressa demais.

Por falar em Dezembro, na noite de Natal a avó cortou-lhe pela primeira vez o cabelo. A madeixinha guardei-a num lencinho de papel para colocar no livrinho dela (tenho de vos mostrar) e na confusão da noite deve ter ido parar à lareira :( Fiquei tristinha... Vale-me aquele madeixinha preta que cortei no dia do batizado :)

video